Menu fechado

Como melhorar a logística para empresas offline

Soluções tecnológicas aprimoram a logística para empresas por oferecerem cotação de frete instantânea para envio de produtos à distribuidoras, representantes ou clientes

A gestão de fretes é um desafio diário para os profissionais que precisam definir a melhor forma (incluindo aí custos, tempo de entrega e qualidade do serviço) de entregar seus produtos aos clientes e de ensinar o rastreamento correios diretamente pelo site. Saber lidar com súbitas altas nos preços, conhecer as principais rotas e caminhos alternativos, negociar acordos com transportadoras e gerenciar a disponibilidade e a demanda é uma tarefa difícil, que exige tempo e uma série de informações. Devido a essa complexidade, algumas soluções tecnológicas podem ser cruciais neste processo. Um exemplo é a cotação de frete instantânea proporcionada por algumas ferramentas, o que pode aprimorar a logística para empresas – sejam elas e-commerces ou mais tradicionais (offline – sem vendas pela internet).

Dados da Fundação Dom Cabral, repercutidos pelo jornal O Estado de S. Paulo, revelam que o custo logístico engloba 13,1% da receita das empresas. Especificamente no e-commerce, pesquisa da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico aponta que o frete representa a maior parte (58%) da distribuição dos custos. Por esse motivo, quanto mais opções de transportadoras os gestores buscarem, e consequentemente mais valores para auxiliar a tomar a decisão, maior é a probabilidade de encontrar a condição ideal – que seja estimuladora tanto à empresa quanto ao cliente. Nestas situações, aderir à tecnologia é mais uma necessidade do que um simples diferencial.

Recentemente, uma fábrica de queijos catarinense relatou sua dificuldade ao realizar a gestão do frete: depois de comprarem uma fábrica de laticínios, foram surpreendidas por um aumento de 350% nos preços e a extinção de uma cláusula no contrato com a transportadora. Nesse momento, a fábrica chegou até mesmo a negar pedidos de clientes pelo alto custo imposto pela empresa conveniada. A alternativa encontrada pelos gestores foi a de trabalhar com distribuidores e encerrar os contratos com transportadoras. No entanto, existem algumas soluções que podem melhorar a gestão de fretes e trazer economia às empresas.

Assim que encaminhar as tabelas de frete das transportadoras ao sistema de gestão contratado, a empresa recebe um login e senha para acessar a comparação de preços e prazos entre os serviços utilizados. Em seguida, o gerente de logística pode escolher e contratar automaticamente a melhor opção de serviço para a carga e rota em questão. Dependendo do caso, o fator decisivo não é o menor preço, mas o menor prazo para entrega. Com esta rotina, não é preciso mais fazer diversas ligações solicitando orçamento ou resolução de pendências com as transportadoras.

O prejuízo causado à empresa citada acima atinge a muitas outras no mercado brasileiro, mas pode ser evitado quando se tem à disposição um aplicativo que gerencia consultas e contratações com transportadoras. A economia de tempo também é um ponto crucial no processo: as comparações de frete com este software são feitas maneira instantânea. Como o sistema também permite monitorar as entregas, evitando fraudes ou cobranças indevidas, a gestão do supply chain torna-se mais assertiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *